01 / 01

Arquitetura

Quais são as principais etapas de uma reforma? Aprenda aqui

out , 6
Quais são as principais etapas de uma reforma? Aprenda aqui

Se você pensa em iniciar uma obra, modificar uma casa ou apartamento ou simplesmente mudar algum dos ambientes do seu lar, já deve ter se perguntado sobre quais são as etapas da reforma.

Fazer um bom planejamento — em relação ao orçamento, contratação de serviços, prazos etc. — é essencial para evitar imprevistos e mudanças de última hora que, além de gerarem estresse e gastos desnecessários, podem impactar negativamente no resultado do projeto.

Para que você evite esses problemas e consiga realizar a reforma dos seus sonhos sem maiores problemas, nós vamos, neste post, falar sobre os pontos principais que você deve levar em consideração ao iniciar uma obra. Confira!

1. DEFINIR O PROJETO 

Um dos passos mais importantes na hora de iniciar uma reforma é definir o projeto. Afinal, ele será o responsável por guiar todos os detalhes da obra, como o tempo que ela levará, o orçamento que deverá ser disponibilizado, as contratações envolvidas etc.

Para a elaboração desse documento, é recomendada a contratação de um profissional de confiança, que te ajudará a pensar em quais áreas você quer modificar (cômodos, área externa, paredes internas etc.), e a colocar seus planos no papel.

Com os cálculos feitos e a planta pronta, fica muito mais fácil se planejar para compra dos materiais necessários, a ordem dos acontecimentos e o que você deve esperar no final de todo o processo.

2. PLANEJAR AS MUDANÇAS ESTRUTURAIS DOS AMBIENTES 

As mudanças estruturais são aquelas que envolvem modificações de maior porte nos ambientes, como a demolição de paredes, a troca de azulejos e pisos, instalação de portas e janelas etc.

Se planejar para esses momentos é muito importante, pois eles representam a parte mais marcante da obra, e farão toda a diferença no resultado final. Por isso, fale com seu profissional e defina a nova estrutura dos cômodos, o custo desse processo e o tempo necessário para realizá-lo.

3. ELABORAR O ORÇAMENTO 

Todos os passos de uma obra incluem investimentos em dinheiro e, para que a realização do seu projeto não fique paralisada ou se estenda mais do que o planejado, é necessário se preparar para os gastos.

Por isso, elabore planilhas e gráficos com o custo de cada etapa, faça listas dos materiais que precisam ser adquiridos e peça orçamentos em lugares diferentes. Dessa forma, você não será surpreendido com os valores cobrados pelos serviços e objetos, e o processo da reforma será muito mais tranquilo.

4. FAZER O PLANEJAMENTO 

O planejamento é a chave do sucesso de uma obra, e garantirá que você se sinta mais tranquilo e seguro durante todo o processo. Afinal, ele permitirá que você saiba exatamente em que ponto sua reforma se encontra, quantos meses ela ainda vai demorar, quando cada parte se iniciará etc.

Esse planejamento é bem simples de ser feito, e faz toda a diferença no resultado obtido. Para realizá-lo, é necessário elaborar um cronograma e definir a ordem que as mudanças serão realizadas, quando tempo elas levarão, quais os gastos envolvidos e quando elas deverão ser finalizadas.

Normalmente, inicia-se pelas mudanças mais gerais, e as mais específicas são feitas depois. Por isso, é indicado que sejam realizadas primeiro as modificações estruturais, e depois a pintura, a instalação da iluminação, a aquisição da mobília, e assim por diante.

5. VERIFICAR O RESULTADO DA OBRA 

Depois de tudo pronto, basta verificar se tudo o que você planejou foi executado da maneira que você desejava.

Para isso, compare as modificações com o seu projeto inicial, e veja se o resultado final corresponde aos seus planos para a sua nova moradia. Caso tudo esteja de acordo com o esperado, basta preparar a mudança e aproveitar seu novo lar!

Conhecer e acompanhar as etapas da reforma é essencial para que você consiga realizar tudo o que sonhou para a sua casa. Por isso, faça um bom projeto, se planeje com cuidado e acompanhe de perto tudo o que está sendo feito. O resultado certamente será gratificante para você e para sua família!

Este post foi útil para você? Então deixe seu comentário nos contando o que você considera mais importante na hora de realizar uma reforma!

Compartilhe esse post

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carol Buhatem

Arquitetura de interiores
e Iluminação

Newsletter

Assine para receber minhas novidades!