01 / 01

Iluminação

O que é um projeto de iluminação e por que ele é importante?

out , 10
O que é um projeto de iluminação e por que ele é importante?

Você já ouviu falar em “luminotécnica”? Não? Trata-se do estudo da implementação de iluminação artificial em ambientes externos e internos. Um projeto de iluminação ou luminotécnico, desenvolvido pelo profissional conhecido como “light designer”, se utiliza desse conhecimento para valorizar a decoração e deixar o ambiente mais agradável e, até mesmo, mais saudável.

Neste post, conheça um pouco mais sobre o projeto luminotécnico e qual a sua importância na arquitetura de interiores.

O que é um projeto de iluminação?

O projeto luminotécnico é um complemento importante do projeto arquitetônico ou de design de interiores, pois busca conciliar a decoração à funcionalidade e beleza, dando atenção, também, à economia de energia. Levando em consideração alguns elementos como a luz natural e a função do ambiente, o light designer elabora o projeto que define desde os tipos de lâmpadas que serão usados até a sua disposição no espaço.

Ou seja, a iluminação pode transformar um ambiente frio em um espaço aconchegante ou o contrário; pode, ainda, destacar elementos da decoração, separar ambientes, definir áreas de circulação e resolver pequenos problemas relacionados à baixa luminosidade. O ideal é que o projeto de iluminação acompanhe o cronograma da construção ou reforma desde o início, pois assim será mais eficiente.

Por que ele é tão importante?

A luminosidade interfere diretamente no bem-estar. Por exemplo: se você gosta de ler à noite, antes de dormir, vai precisar de uma luz ao lado da cama que possa ser direcionada às páginas do livro, mas ela não pode ser branca ou forte demais, pois isso vai influenciar no seu descanso pós-leitura e, consequentemente, na sua saúde.

Outra situação: se você costuma sair cedo para o trabalho e na hora de se vestir a luz do dia ainda não está intensa, vai precisar de uma iluminação artificial no closet para encontrar tudo o que precisa. E de uma boa luz para se maquiar.

Esses são exemplos práticos, do dia a dia, mas o light designer saberá, também, qual a melhor forma de valorizar obras de arte sem danificá-las, como deixar sua sala de estar mais convidativa, qual a luz ideal para criar o clima certo em cada ambiente, etc. Isso sem deixar de lado as soluções mais econômicas e sustentáveis (o que, em tempos de crise energética, é fundamental).

Qual o futuro da luminotécnica?

Assim como as lâmpadas, que evoluíram ao longo dos anos, desde as incandescentes até as de LED, a luminotécnica também evoluiu e vem sendo cada vez mais incorporada aos projetos arquitetônicos já na sua concepção.

Com o aumento da demanda, cresceu, também, o número de softwares que ajudam profissionais e clientes a calcular a iluminação perfeita. Um deles é o CalcuLuX, distribuído pela Philips, que auxilia projetistas a avaliarem sistemas de iluminação por meio de diferentes aplicações. Porém, assim como o Softlux, da ITAM, está limitado a projetos que utilizam materiais da própria marca.

Por isso, muitos profissionais optam pelo Dialux EVO e o Relux, que são compatíveis com luminárias de qualquer procedência. Os programas apresentam projetos em 3D e podem criar imagens renderizadas, dando uma visão real de como o ambiente ficará depois de pronto.

Independentemente do software que será utilizado, o fundamental é entender que um projeto de iluminação deve ser realizado por um profissional capacitado. Somente isso poderá garantir o sucesso do trabalho e evitar dores de cabeça.

Quer entender melhor como uma iluminação adequada pode influenciar no ambiente e conhecer nossos projetos? Entre em contato conosco e mande uma mensagem contando a sua necessidade — basta utilizar a seção “Fale Conosco” disponibilizada no fim site!

Compartilhe esse post

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carol Buhatem

Arquitetura de interiores
e Iluminação

Newsletter

Assine para receber minhas novidades!