01 / 01

Arquitetura

Entenda aqui qual é a importância da iluminação na arquitetura

nov , 14
Entenda aqui qual é a importância da iluminação na arquitetura

A iluminação é um dos elementos mais importantes em um projeto de arquitetura e decoração. Seja para dar vida à entrada de uma casa, destacar as linhas de um edifício moderno, chamar a atenção para um prédio comercial ou encantar quem aprecia monumentos históricos, um projeto luminotécnico faz toda a diferença.

Mais do que fornecer beleza, fachadas iluminadas transmitem mensagens, criam identidade e agregam valores como segurança e confiança. Um bom projeto de iluminação de fachada precisa, também, atender às demandas ligadas a economia de recursos e os padrões sustentáveis.

Projetos arquitetônicos combinados com projetos luminotécnicos também são formas de comunicar a personalidade de quem mora numa casa, a identidade de uma empresa e as memórias culturais de uma cidade. Quer saber como usar a iluminação de fachadas a favor de seus projetos? Confira!

A iluminação como estratégia de marketing

A Iluminação cênica em fachadas é vista como uma estratégia de marketing, já que ela ajuda a moldar a paisagem urbana, chamando a atenção para o que está sendo iluminado e mexendo com os sentimentos das pessoas. Por meio da iluminação, cria-se experiências emocionais únicas — e isso atrai a curiosidade de turistas e investidores, por exemplo.

Quando aplicada com criatividade, a iluminação comunica informações que vão além da fachada: destaque de marcas, reforço de valores e mensagens. É possível, ainda, usar recursos que criem empatia para quem vê, como textos, imagens e animações, a fim de tornar o local mais atraente para negócios, mais atrativo e cheio de personalidade.

O valor cultural da iluminação

Muitas vezes, quando os centros das cidades são moldados por prédios tombados pelo patrimônio histórico, as fachadas são historicamente importantes e arquitetonicamente inspiradoras. Para destacá-las, é preciso um planejamento luminotécnico que agregue valor cultural. Uma boa forma de fazer isso é enfatizando pórticos de entrada, colunas e detalhes seculares.

Isso exige inspiração em significados e conceitos para que os espectador compreenda o que quer demonstrar. Nesse sentido, até os edifícios mais neutros podem ser renovados. Enfatizar detalhes, abusar dos jogos de sombra e luz, causar efeitos tridimensionais, valorizar texturas e brincar com cores são soluções que ajudam a criar um vínculo entre a fachada iluminada e o público.

Iluminação sustentável

Para quem trabalha com projetos de iluminação, a economia de energia está entre um dos grandes desafios. É importante ressaltar que a iluminação de uma fachada mal elaborada pode resultar no aumento das despesas com energia.

Além disso, a poluição luminosa é outro problema a ser resolvido — projetos que não foram bem pensados impactam diretamente na natureza, pois mudam a rotina de sono de pessoas vizinhas, alteram o crescimento de plantas e são invasivos à biodiversidade local.

Exemplos de grandes projetos de iluminação

A Câmara Municipal de Madrid soube usar a iluminação a favor da cidade. Investiu tempo e dedicação para construir um design que, com a colocação de um ecrã digital em uma das laterais do prédio, transformou o edifício em um expositor de conteúdos multimídia.

Já em Dubai são incontáveis os exemplos bem-sucedidos, e a Ponte de Meydan é um deles. Usada como itinerário da família real durante a Taça do Mundo do Dubai para chegar ao hipódromo, ela se transformou em um cartão de boas-vindas real e um ponto de referência arquitetônico com uma iluminação que acompanha todas as suas linhas.

Na Eslováquia, a cidade de Zilina abriga o Mirage Shopping Center, local onde o projeto luminotécnico gerou um senso de identidade, atraindo pessoas e fazendo com que elas permanecessem mais tempo no lugar. Assim, os clientes acabam se sentindo em casa, o que os deixa mais confortáveis para comprar.

Um pouco mais famosa, a Times Square, em Nova York, usa suas incontáveis luzes para divulgar marcas, lojas e comércios em anúncios publicitários luminosos gigantescos. Assim como o Central Orchard Road, em Singapura, como suas fachadas midiáticas.

A iluminação na fachada define perfis, cria impressões, traça estratégias, valoriza os projetos arquitetônicos e encanta os espectadores. Seu efeito, quando bem usado, pode ser expressivo.

Quer saber mais sobre iluminação na arquitetura? Tem dúvidas sobre decoração? Quer saber tudo sobre projetos arquitetônicos? Curta nossa página no Facebook, nos siga no Instagram e assista aos vídeos do nosso canal no YouTube!

Compartilhe esse post

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Carol Buhatem

Arquitetura de interiores
e Iluminação

Newsletter

Assine para receber minhas novidades!